Um Incrível Passeio no Píer de Santa Mônica na Califórnia

Antes de qualquer coisa, adianto que o passeio no Píer de Santa Mônica foi um dos melhores que fizemos na Califórnia.

Passamos o dia inteiro na região e aproveitamos intensamente cada momento.

O passeio engloba lindas paisagens, vida marinha, parques, praia, comércio movimentado, ou seja, tudo que viajantes adoram.

Se liga nessa história!

Era nosso terceiro dia na Califórnia e a expectativa de conhecer Santa Mônica era enorme.

Havíamos definido alguns passeios pela região, porém, a maioria das atrações estaria no Píer de Santa Mônica.

Chegamos ao local na metade da manhã e facilmente conseguimos acessar o estacionamento do píer para deixar o carro.

A partir dali faríamos tudo caminhando.

Começamos conhecendo o Píer de Santa Mônica, com a Valentina correndo atrás dos pássaros e eu tentando pegar o melhor ângulo da famosa placa que informa o final da histórica rota 66.

Caminhando pelo píer, logo percebemos que por ali ficaríamos um bom tempo.

Entretenimento para crianças é o que não falta, e claro, o destaque é o Pacific Park.

Quando chegamos ao Pacific Park ele ainda estava fechado, porém, logo a Valentina descobriu um local para passar algum tempo brincando.

Trata-se do Playland Arcade. O local conta com muitos brinquedos e fliperamas clássicos.

Nosso porta-moeda rapidamente ficou vazio e a Valentina começava o dia feliz da vida.

Continuando o passeio pelo píer, fomos apreciar a bela paisagem do mar, conhecer as lojinhas e curtir o som dos músicos locais que marcavam presença.

O sol brilhava, mas um vento gelado pedia um café para esquentar.

Pacific Park

O tempo passou rápido, logo o relógio bateu 11h e o Pacific Park abria suas bilheterias.

O clássico parque de diversão localizado na parte central do Píer de Santa Mônica nos esperava para ótimos momentos.

Você pode optar em comprar tickets individuais ou adquirir o passaporte para as atrações.

Nós escolhemos comprar os bilhetes individualmente para os brinquedos que tínhamos interesse.

Selecionamos a Montanha Russa West Coaster, a Roda Gigante (Pacific Wheel) e o aviãozinho Sea Planes, sendo os dois últimos permitidos para a Valentina com acompanhante.

A longa espera havia acabado! Finalmente a Valentina iria a uma Roda Gigante, e começaria em grande estilo.

A Pacific Wheel é incrível!

Além do friozinho na barriga, por ser alta e aberta, a paisagem de Santa Mônica vista do alto é algo sensacional.

Saímos da Pacific Wheel e fomos fazer um revezamento na West Coaster.

A Montanha Russa não é tão radical quanto parece, mas vale pela diversão e novamente pela paisagem.

Achei interessante que ela deu duas voltas, não sei se é um padrão ou porque não tinha muito movimento naquele dia.

Finalizamos com o aviãozinho Sea Planes.

Além desses, também brincamos nos clássicos jogos de tiro ao alvo para tentar ganhar algum brinde.

Claro que o papai aqui, não poderia deixar de estourar dois bolões em três tentativas e ganhar o famoso Emoji de cocô para a Valentina.

Passaram-se meses da viagem e ela ainda fala sobre esse episódio.

Almoço no Bubba Gump

Saímos do Pacific Park e fomos almoçar no Bubba Gump.

Foi uma ótima escolha para o dia incrível que estávamos tendo.

O cardápio contempla ótimas opções em frutos do mar com pratos realmente diferenciados.

No período da tarde a primeira atividade era visitar o Santa Monica Pier Aquarium.

A Valentina realmente estava empolgada para conhecer o “Baby Shark”, mas para a decepção de todos o aquário estava fechado, justamente naquele dia.

Fiquei com uma pena da Valentina, que repetia em palavras tristes que tinha comido todo o almoço para ver o tubarão.

Para compensar tamanha frustração, outro dia a levamos para ver os tubarões no Sea Life Aquarium (Legoland) e no SeaWorld, porém, me pareceu que ela já tinha perdido o encanto.

Continuamos nosso passeio indo na parte alta de Santa Mônica, passando pelo Tongva Park e Hotel Califórnia.

Passeio de Bicicleta

Voltamos ao píer e alugamos duas bicicletas para fazer o passeio pelo calçadão até Venice Beach.

Fomos pedalando até o Venice Beach Recreation Center, onde paramos para a Valentina brincar no parquinho ali disponível.

Como alugamos as bicicletas por apenas uma hora, logo tivemos que voltar para devolvê-las.

Achei que o tempo foi pouco. O passeio merecia mais uma hora de pedal.

Porém, já era final de tarde e pretendíamos ir ainda a Malibu Pier ver o pôr do sol.

Mas como nessa época do ano o sol se põe cedo na Califórnia, não daria tempo de chegar a Malibu antes do anoitecer.

Então decidimos ver o pôr do sol ali mesmo, no píer de Santa Mônica.

E foi incrível!

Não tinha como terminar melhor o dia.

Ao anoitecer as luzes deixaram o Pacific Park sensacional.

Terminamos o dia comendo pizza e tomando sorvete. Nada poderia ser melhor!

Data da viagem: 10/11/2017

Leia também:

Roteiro de 15 dias em Los Angeles, San Diego e Las Vegas
SeaWorld San Diego: Melhores brinquedos e atrações para crianças pequenas

San Diego Zoo: Um Passeio “Animal”
Roteiro de San Diego a Las Vegas – Rota 66 e os Passeios Imperdíveis

Leandro Bolsoni

Leandro Bolsoni

Formado em Administração e Gestão em Tecnologia da Informação, é um entusiasta por viagens e todo planejamento que envolve esse entretenimento. Criador do blog Valentina na estrada, que tem o objetivo compartilhar informações de experiências obtidas em suas viagens em família.
Leandro Bolsoni

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *